28 de abr de 2011

Ladrão rouba moedas da Fontana di Trevi na Itália, com cobertura de policiais

Do Globo.com
Uma das principais atrações turísticas de Roma, a Fontana di Trevi vem sendo alvo de ladrões das moedinhas que são depositadas por turistas todos os dias no monumento. Faz parte da tradição jogar uma moeda de costas e realizar um pedido na fonte mais famosa da Itália. Milhares de pessoas passam por ali deixando suas moedas de euro: o dinheiro acumulado semanalmente chega a 14 mil euros (R$ 32,5 mil), que seriam destinados a instituições de caridade, não fosse a ação dos bandidos.
O vídeo mostra um homem, que diz se chamar D'Artagnan, varrendo as moedas do fundo da fonte. É proibida a entrada de qualquer pessoa no monumento, que é vigiado 24 horas por dia por policiais.
Wikimedia Commons
Moedas acumuladas durante uma semana na Fontana di Trevi chegam a R$ 32,5 mil
O programa de televisão "Le iene" (as hienas), versão italiana do CQC, mostrou nesta semana uma reportagem em que o grupo que age na fonte é flagrado - um dos homens chega a empurrar o repórter para dentro da fonte. Câmeras também registraram que os vigias da atração turística acobertaram o roubo e um deles ainda recebeu o que parece ser uma recompensa. 
O prefeito de Roma, Gianni Alemanno, pediu desculpas à população e disse que os vigias já foram suspensos: "Estou envergonhado. Escrevi uma carta a todos os componentes do corpo da polícia municipal, que na sua grande maioria não tem nada a ver com comportamentos desse tipo". Não há informações sobre os ladrões de moedinhas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário