3 de mar de 2011

UM ‘LEXOTAN’ DE R$ 7,5 BILHÕES AOS ‘MERCADOS’

da Carta Maior via Viomundo
Reunião do Copom desta 4º feira serviu um ‘lexotan’ de R$ 7,5 bilhões aos mercado financeiros, com mais uma alta de 0,5 ponto na taxa básica de juro do país. O valor equivale a quase quatro vezes o gasto previsto com o reajuste do Bolsa Família, anunciado no dia anterior, que deixou os ‘mercados nervosos’ embora beneficie 50 milhões de brasileiros mais pobres. Desde 19 de janeiro, o BC  já elevou em 1 ponto  a taxa de juros, agora fixada em 11,75% –a mais alta do mundo. Significa que em apenas 41 dias, houve uma transferência de R$ 15 bilhões em recursos fiscais dos cofres públicos aos rentistas detentores da dívida interna.  Em 2010, foram pagos, no total, R$ 190 bilhões em juros. O que diz a mídia sobre  essa ‘gastança’ desenfreada?

Nenhum comentário:

Postar um comentário