21 de jun de 2011

Sete anos sem Brizola

Por Pisquila no Nassif


Hoje é o dia do sétimo aniversário da morte de Leonel de Moura Brizola. Brizola, apesar de dispensar maiores comentários, foi sem sombra de dúvidas uma das figuras públicas mais importantes e polêmicas dos últimos sessenta anos da história política nacional. Em homenagem a sua memória, transcrevo abaixo algumas das suas mais célebres frase proferidas. Listei as minhas cinco favoritas.
1)-"Todas as crianças deveriam ter direito à escola, mas para aprender devem estar bem nutridas. Sem a preparação do ser humano, não há desenvolvimento. A violência é fruto da falta de educação"
2)-"Não seria fascinante fazer agora a elite brasileira engolir o Lula, este sapo barbudo?"
3)-“Eu amo a Justiça Eleitoral. Mas não estou tranqüilo com a informatização.”
4)-"Nunca coloquei a Igreja debaixo do braço para me eleger"
5)-"As reformas têm que sair, na lei ou na marra, com flores ou com sangue"

Nenhum comentário:

Postar um comentário