11 de fev de 2011

Sobre a Tchetchenia

A relação Rússia/Tchetchenia é mais complexa do que a simples exposição da imprensa da intolerância do povo Tchetcheno e dos grupos radicais Islâmicos, estes fruto da diáspora perpetrada pelo antiga URSS no pós segunda guerra mundial.
Qualquer análise de ações terroristas perpetradas(não que se considere um ato terrorista legítimo e sim que deve ser repudiado) tem que atentar-se ao contexto histórico e as inúmeras atrocidades impostas ao povo Tchetcheno na história.
O povo Tchetcheno sempre foi conhecido pela unidade e resistência aos povos invasores. Era a etnia mais valente do Cáucaso.
Lênin, quando da criação da URSS e preocupado com a unidade do império Russo, reuniu os estados periféricos em unidades duplas. Surgiu assim a hifenização da União Soviética.
A principal função da hifenização era juntar etnias que se odiavam e que impediam a supremacia de um deles, mantendo a unidade do império.
Surge assim a República Autonôma Socialista Soviética Tchecheno-Inguchétia, onde povo tchetcheno foi amplamente combatido pelo império Russo, com favorecimentos ao povo Inguchéto.
Após a segunda Guerra, sob acusação de Stálin de colaboração com os alemães, o povo tchetcheno foi expulso do território, através de uma repressão militar, a qual não há registros das mortes e atrocidades perpetradas.
Com o fim da União Soviética o povo tchetcheno reocupou seu território declarando independência rechaçada por Iéltsin, iniciando a primeira guerra contra a Tchetchenia.
posteriormente a Russia sobre a direção de Putin, lançou uma ofensiva cruel contra o povo tchetcheno dizimando inúmeros e criando campos de refugiados em repúblicas vizinhas.
Os refugiados foram mantidos por meses em barracas e vagões sem agua potável e sem acesso a ajuda internacional.
Muitos tchetchenos sempre achavam que o interesse russo era em relação às riquezas minerais e petróleo, contudo para outros a iniciativa tinha a clara intenção de dizimar a etnia.
Qualquer ação terrorista deve ser repudiada, mas razões históricas de conflitos e ataques seculares a um povo certamente são a causa/efeito das reações terroristas.
Em qualquer história mocinhos e bandidos se misturam.
A diferença é que a história normalmente é contada e difundida por quem venceu.

Um comentário:

  1. Nice Sharing. Visit us to find latest jobs from top companies and top newspapers at http://toppakjobs.blogspot.com

    ResponderExcluir