13 de ago de 2009

O fim do sistema Bicameral

Diante da crise instalada no Senado Federal reavivou-se a discussão sobre a reforma do sistema legislativo brasileiro, com a opção pelo sistema unicameral.

Os defensores da idéia, afirmam que o Senado é um instituição retrógrada, resquício do império e perdeu a função que detinha.

Lugar onde as mazelas legislativas atuam com leveza por culpa do corporativismo reinante.

PRÓS:

Diminuição considerável dos gastos legislativos;

Possível aumento na credibilidade do legislativo, afinal só existirá um lugar para atuação da corrupção;

Simplificação do processo legislativo.

CONTRAS:

Aumento significativo do poder dos grandes Estados, que possuem mais deputados, já que no Senado onde se faz a rediscussão de matérias todos os Estados tem três representantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário